168

Madrigal que pertence provavelmente aos dedicados à <mulher bonita e cruel> (cf. nº 124), redigido ao menos em três versões, que foram destinadas à publicação como poemas autônomos.

1 ‘l mezzo di me, minha metade: ou seja: a alma.
9 cangia ‘l suo stile, mudar seu estilo: se um dia ela mudar em relação a mim.
  Perché ‘l mezzo di me che dal ciel viene
a quel con gran desir ritorna e vola,
restando in una sola
di beltà donna, e ghiaccio ardendo in lei,
in duo parte mi tiene
contrarie sì, che l’una all’altra invola
il ben che non diviso aver devrei.
Ma se già ma’ costei
cangia ‘l suo stile, e c’a l’un mezzo manchi
il ciel, quel mentre c’a le’ grato sia,
e’ mie sì sparsi e stanchi
pensier fien tutti in quella donna mia;
e se ‘lor che m’è pia,
l’alma il ciel caccia, almen quel tempo spero
non più mezz’esser, ma suo tutto intero.

Por que minha metade que vem do céu / a ele com imenso desejo retorna e voa, / ficando numa única / beleza de mulher, e gelo ardendo por ela, / em duas partes me mantém / contrárias entre si, pois uma arranca da outra / o bem que, não dividido, eu deveria possuir. / Mas se algum dia ela / mudar seu estilo, e à minha metade faltar / o céu, e eu enfim lhe agradar / meus dispersos e cansados pensamentos fluam todos para a que me é mulher; / e se quando ela de mim se apiedar, / o céu minh’alma há  de rechaçar, ao menos então espero / não mais dividido, mas inteiramente seu me tornar.

Questa voce è stata pubblicata in Michelangelo. Contrassegna il permalink.

Lascia un commento

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...